Home Entretenimento Turismo São Sebastião oferece natureza e belas praias

São Sebastião oferece natureza e belas praias

Compartilhe
Foto: Divulgação

São Sebastião tem nada menos do que 30 praias, da Boraceia à Enseada, das mais agitadas às mais calmas, todas encantadoras e com natureza exuberante.

A região é das mais conhecidas pelos turistas, que se encantam também como a vegetação da Mata Atlântica que circunda a paisagem, já que 70% do município se encontram em área de preservação ambiental protegida pelo Parque Estadual da Serra do Mar.

-----TEXTO CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------
Festival Natalino

Americana Center

Entre as praias da região, Maresias é uma das mais famosas do Litoral Norte de São Paulo, com ondas perfeitas que atraem surfistas de todo o país. Gabriel Medina, primeiro brasileiro campeão mundial de surf (em 2014), é um de seus moradores mais ilustres.

Além de Maresias, os surfistas também são atraídos pelas ondas das praias de Camburi e Camburizinho. Uma península separa as duas praias, à esquerda fica Camburizinho, à direita, Camburi.

Já para quem prefere um pouco de sossego, deve seguir em direção às praias de Toque-Toque (Grande e Pequeno), Calhetas ou Engenho. Para quem vai curtir o sol com a família, as mais indicadas são Barra do Una, Juquehy e Barra do Sahy, que têm águas calmas para a criançada e traz mais tranquilidade para quem toma conta dos pequenos. Se você quiser ver o encontro entre as águas salgada (do mar) e doce (do Rio Una), vá até Barra do Una.

Outra praia que tem um cenário deslumbrante é a Jureia. Pequena e reservada, oferece um visual maravilhoso, que mistura a beleza do mar com o verde da Mata Atlântica. Paúba reúne a calmaria de uma praia pequena com o agito dos praticantes de esportes aquáticos e radicais.

Para quem gosta de pescar, a dica é a praia de Boraceia, que tem como principal atração a pesca da tainha com rede. Primeira praia do município para quem segue para o norte, ela é extensa e de mar calmo.

Boiçucanga é uma das praias com maior infraestrutura turística. É também ponto de partida para a trilha que leva à praia Brava (um tesouro para os surfistas) e dona de um dos mais belos pôr-do-sol da região. Durante os meses do verão, é possível ver os últimos raios de sol se apagarem nas águas do mar.

Após a praia
Depois de curtir o sol e o mar, visite o Centro Histórico. Fundada em 1636, a cidade guarda uma identidade cultural baseada no modo de vida caiçara. A partir da Igreja Matriz, o casario colonial se espalha por sete quarteirões, tombados a partir 1970 pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat).

Caminhar por entre ruas de pedras, casarios construídos com cal de conchas, pedras de costeira e óleo de baleia também pode ser uma ótima atividade. Na rua da praia, a Praça de Eventos oferece grandes shows na temporada, ao lado, canhões portugueses protegem a cidade dos piratas desde o século 16.

natal tivoli


Mineiro Natal
Compartilhe