Cotidiano

Americana é a cidade da RPT que mais gerou empregos formais em julho

0
Foto: Fernando Giordano Aéreas
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Semana do consumidor

Americana é a cidade da Região do Polo Têxtil (RPT) que mais gerou empregos formais em julho. Os números foram divulgados nesta segunda-feira (29) pelo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério do Trabalho.

A cidade registrou 3.755 admissões e 3.182 demissões, com um saldo positivo de 573 empregos em julho, ficando à frente de Sumaré (418), Hortolândia (saldo de 355), Nova Odessa (180) e Santa Bárbara d’Oeste (27).

Na comparação com as 20 cidades da Região Metropolitana de Campinas, Americana ocupa a quinta colocação, ficando atrás apenas das cidades de Campinas (saldo positivo de 2.067), Indaiatuba (793), Paulínia (751) e Itatiba (682).

No acumulado do ano de 2022, Americana conta com um saldo positivo de 2.627 empregos formais, com 26.178 admissões e 23.551 demissões. Já no período de agosto de 2021 a julho de 2022, foram 44.264 contratações contra 39.458 desligamentos, um saldo de 4.806.

Os resultados positivos são um reflexo da política de desenvolvimento implantada no município pela administração Chico Sardelli, com a criação do Comitê de Retomada Econômica e do Programa Futuro Certo, com ações de desburocratização para a instalação de empresas no município e a oferta de cursos de capacitação aos trabalhadores.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Rafael de Barros, salienta que a atual administração é parceira de quem produz e investe na cidade. “Ficamos muito felizes em ver resultados positivos de todo nosso trabalho. Queremos Americana cada vez mais próspera”, afirmou.


PAT disponibiliza 792 vagas de emprego

Notícia Anterior

Obras de recapeamento na Avenida Pinto Duarte avançam

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano