Política

Vereadora Juliana anuncia emenda de R$ 300 mil para reforma da maternidade do HM

0
Foto: Divulgação
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Semana do consumidor

A vereadora Professora Juliana (PT) anunciou a conquista de uma emenda parlamentar no valor de R$ 300 mil junto ao deputado federal Carlos Zarattini (PT) para ser utilizada na reforma de parte da ala de maternidade do Hospital Municipal “Dr. Waldemar Tebaldi”. A verba federal será aplicada com objetivo de ampliar e melhorar a oferta de partos naturais humanizados na unidade.

Os R$ 300 mil intermediados pela parlamentar serão utilizados para a montagem de uma sala PPP, que significa “pré-parto, parto e pós-parto”, com todos os equipamentos necessários para as mulheres terem um parto natural e humanizado, incluindo banheira, bola, iluminação diferenciada, entre outras medidas que viabilizem a humanização do parto.

Juliana tem discutido o tema do parto humanizado com a secretaria municipal de Saúde desde o ano passado, fazendo requerimentos sobre o tema, dialogando com o grupo “Parteiras da Boa Hora”, formado por doulas voluntárias que atuam no HM, visitando estruturas em outras cidades e articulando o recebimento da emenda para reforma da maternidade do hospital.

“O hospital de Americana tem apenas 30% dos partos naturais humanizados e 70% cesáreas. O ideal é que essa proporção seja invertida. É um direito das mulheres e um dever do SUS oportunizar o parto humanizado. Mas para isso é necessária uma estrutura adequada e também a capacitação das equipes. O primeiro passo é a reforma, para podermos oferecer essa estrutura para as gestantes”, explicou a vereadora.

Em setembro, Professora Juliana esteve com o secretário de Saúde, Danilo Carvalho Oliveira, e equipe no Hospital Municipal Maternidade “Dr. Mário de Moraes Altenfelder Silva”, em São Paulo, que é referência estadual em partos humanizados, para buscar ideias para a estrutura. Nesta terça-feira (5), a vereadora foi até a maternidade do HM acompanhada do secretário para verificar as instalações que passarão pela reforma.

“É muito importante que a secretaria de Saúde, na pessoa do secretário Danilo, esteja empenhada e interessada em passar a oferecer esse tipo de parto no nosso hospital. E também é fundamental contarmos com a parceria de deputados como o Zarattini que estão atentos às necessidades da nossa cidade”, completou a vereadora Professora Juliana.


Companhias aéreas aumentam preço da bagagem despachada

Notícia Anterior

Morre único sobrevivente do holocausto nascido no Brasil

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Política