Política

Vereadora sugere atendimento de síndromes respiratórias em UBS para desafogar sistema de saúde

0
Foto: Divulgação
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Semana do consumidor

A vereadora Professora Juliana (PT) protocolou na secretaria da Câmara de Americana uma indicação sugerindo à prefeitura que ofereça alternativas de atendimento também em UBS (Unidades Básicas de Saúde)à população que apresenta sintomas de síndromes respiratórias. A sugestão tem o objetivo de desafogar o atendimento no Hospital Municipal “Dr. Waldemar Tebaldi” e no Pronto-Atendimento do Zanaga.

De acordo com a parlamentar, desde o início da semana os relatos de grandes filas na ala respiratória do Hospital Municipal e também no PA do Zanaga têm chegado ao gabinete, às redes sociais e aos veículos de comunicação da cidade. Diante disso, a vereadora defender ser necessário oferecer mais opções de atendimento para evitar aglomerações nesses espaços e diminuir o tempo de espera nas filas.

“Estamos vivendo um surto de gripe em meio à pandemia da Covid-19, com grande número de casos e grande procura por atendimento, seja no Hospital Municipal, no PA do Zanaga e até nos hospitais particulares. Nossa indicação vem no sentido de sugerir à secretaria municipal de Saúde que busque alternativas para que o atendimento dessas síndromes gripais ocorra também em pelo menos mais um ou dois locais, a fim de deixar as pessoas, que já não estão bem, menos tempo aguardando o atendimento”, disse a vereadora.

Na indicação, a parlamentar cita que essa medida emergencial também diminuiria a aglomeração de pessoas nas salas de espera, situação que oferece risco de contaminação para pessoas que eventualmente estejam com resfriados ou quadros alérgicos.

“Temos o exemplo de Salvador, que instalou ‘gripários’ em vários pontos da cidade, nas UBSs, para desafogar os hospitais, e também a vizinha Santa Bárbara d’Oeste, que também começou a atender síndromes respiratórias nos postos de saúde. É um momento de atenção, que exige medidas rápidas para dar conta da alta demanda. E é também um momento de atenção por parte da população, para que redobre a atenção em relação ao distanciamento e uso de máscara”, concluiu Professora Juliana.


Rio cancela blocos de rua no carnaval por causa da covid-19

Notícia Anterior

Prefeitura de São Paulo cancela carnaval de rua

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Política