Geral

Palácios do Planalto e do Itamaraty são iluminados em homenagem ao Dia do Orgulho LGBTQIA+

0
orgulho lgbtqia+
Foto: Rafa Neddermeyer/Agência Brasil
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
FAM 2023

Em comemoração ao Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, que é celebrado no dia 28 de junho, os palácios do Planalto e do Itamaraty, em Brasília, se tornaram palco de uma homenagem especial. Na noite desta terça-feira, 27, os dois prédios históricos foram iluminados com as cores da bandeira que representa a diversidade, em um gesto simbólico de reconhecimento e apoio à luta por direitos.

A iluminação dos palácios do Planalto e do Itamaraty com as cores da bandeira LGBTQIA+ é um gesto significativo que demonstra a importância da inclusão e do respeito à diversidade. O momento foi registrado em um vídeo compartilhado nas redes sociais, mostrando a beleza e o impacto visual da iniciativa.

canal whats

Além dos palácios governamentais, outros importantes edifícios públicos também aderiram à iniciativa. A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) e o Palácio do Buriti também receberam a iluminação especial, tornando a capital brasileira um exemplo de engajamento na luta contra a homofobia.

ministra 16 (1)

Palácio do Planalto é iluminado com cores da bandeira que representa diversidade. Foto: Rafa Neddermeyer/Agência Brasil

O Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+ é uma data que celebra a luta da comunidade por mais direitos e igualdade. É um momento de reafirmação das conquistas já alcançadas e de chamar a atenção para os desafios e obstáculos que ainda persistem. Através de iniciativas como a iluminação dos palácios e prédios públicos, busca-se promover a conscientização e o combate à homofobia, lembrando que todos devem ser respeitados e aceitos, independentemente de sua orientação sexual ou identidade de gênero.



Relator vota pela inelegibilidade de Bolsonaro por oito anos

Notícia Anterior

Projeto “Heróis Mirins do HM” já realizou 44 cirurgias infantis

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Geral