Brasil e Mundo

Bolsonaro faz nova ameaça golpista e fala em ‘ultimato’ para ministros

0
Foto: Divulgação
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Tivoli Teatro

O presidente Jair Bolsonaro voltou a repetir, nesta sexta-feira(3), ameaças golpistas e disse que as manifestações do dia 7 de setembro, na próxima terça-feira, serão um ‘ultimato’ para aqueles, que segundo ele, descumprem a Constituição.

“Essas uma ou duas pessoas têm que entender o seu lugar, e o recado de vocês, povo brasileiro, nas ruas na próxima terça-feira, dia 7, será um ultimato para essas duas pessoas: curvem-se à Constituição, respeitem a nossa liberdade, entendam que vocês dois estão no caminho errado, porque sempre dá tempo de se redimir”, disse o presidente durante um evento em Tanhaçu, na Bahia.

Sem citar nomes, o presidente disse que não faz críticas a instituições ou Poderes, mas sim as pessoas.

O presidente também fez ameaças golpistas. “Nós não precisamos sair das quatro linhas da Constituição. Ali temos tudo que precisamos. Mas, se alguém quiser jogar fora dessas quatro linhas, nós mostraremos que poderemos fazer também valer a vontade e a força do seu povo”, garantiu ele.


Ação alerta para os riscos de mexer no celular enquanto dirige

Notícia Anterior

Brasil chega a 40% da população completamente vacinada contra covid-19

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.