Cotidiano

Americana receberá R$ 13 milhões para reforma da Estrada Ivo Macris

0
Foto: Divulgação
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Tivoli Teatro

O deputado federal Vanderlei Macris participou na última segunda-feira(14), do anúncio da nova fase do programa Novas Estradas Vicinais, realizado pelo governador João Doria no Palácio dos Bandeirantes, que vai beneficiar outras 140 vias com 1.531 quilômetros de melhorias e investimentos de R$ 1,08 bilhão em recursos do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). O investimento estadual inclui, como já adiantado anteriormente pelo parlamentar, a Estrada Ivo Macris, que liga Americana à Paulínia, e que leva o nome do pai do deputado.

O evento contou com a presença de autoridades americanense como o secretário da Casa Civil, Cauê Macris, o prefeito Chico Sardelli, o vereador Lucas Leoncini e o ex-vereador Rafael Macris.

“Assim que soube da data do anúncio da estrada, fiz questão de ligar para o prefeito e dar a boa notícia, e convidá-lo para estarmos juntos aqui em São Paulo”, ressaltou o deputado.

O investimento na obra de recuperação da estrada Ivo Macris é estimado em de R$ 13,4 milhões nos 15,8 km de via.

“É uma grande satisfação participar deste anúncio que oficializa uma enorme conquista para Americana, um investimento de grande porte do governo estadual, com nossa intermediação, para colaborar com o município e garantir a melhoria nesta importante ligação Americana-Paulínia”, disse Macris.

O deputado federal Vanderlei Macris esteve em contato com o Governo de São Paulo, junto com o então deputado Cauê Macris, desde o ano passado, para reivindicar que a estrada Vicinal Ivo Macris fosse incluída no novo programa de recuperação de vicinais. Em março deste ano, Macris confirmou que o seu pedido tinha sido atendido pelo governador João Doria.

A publicação do edital da nova fase está prevista para as próximas semanas e o documento estará disponível no site do DER. A partir do edital, a previsão para início das obras é de quatro meses. O prazo de conclusão varia de três a 12 meses.


Bolsonaro volta a mentir e diz que contrair o vírus é “mais eficaz” que vacina,

Notícia Anterior

Prefeitura divulga lista de nomes dos vacinados contra covid-19 em Americana

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano