Cotidiano

Prefeitura e governo do estado vão entregar 4.135 cestas de alimentos em Americana

0
Foto: Divulgação
Tivoli drive

O município de Americana, por meio da Secretaria de Ação Social e Desenvolvimento Humano da Prefeitura de Americana e apoio do Fundo Social de Solidariedade de Americana, será contemplado no projeto “Alimento Solidário”, lançado em abril pelo Governo de São Paulo, com o recebimento de 4.135 cestas de alimentos para a população de baixa renda do Cadastro Único. O termo de adesão ao projeto da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social foi assinado pelo prefeito de Americana, Omar Najar, visando reforçar o atendimento às famílias em situação de extrema vulnerabilidade social no enfrentamento à crise financeira em decorrência da pandemia da Covid-19.

“É um reforço muito grande para podermos continuar com as ações de enfrentamento à crise financeira gerada em decorrência da pandemia do coronavírus. Nosso município vem lutando bastante para atender todas as demandas, conta com diversas frentes no combate à fome, e ajuda de diversas empresas e colaboradores, mas ainda assim é insuficiente para mantermos a alimentação à população de baixa renda por três, quatro meses. Por isso, agradecemos ao governador João Dória e toda a sua equipe pela iniciativa do projeto e pela assistência para a nossa cidade”, disse o prefeito de Americana, Omar Najar.

Segundo a Secretaria de Ação Social de Americana, as cestas de alimentos deverão chegar ainda nesta semana e a logística de entrega às famílias está sendo programada em conjunto com as organizações parceiras. A empresa RKM Transportes irá dar apoio no transporte e armazenamento das cestas de alimentos.

As famílias em situação de extrema pobreza estão cadastradas no CadÚnico (cadastro federal oficial para inclusão em programas de assistência social e transferências de renda), e possuem renda de até R$ 89,00 per capita mensal. As cestas serão entregues por meio da Rede de Assistência Social Municipal, com o apoio das Diretorias Regionais de Assistência Social, mediante comprovação do número de identificação social (NIS).

De acordo com o governo de São Paulo, serão entregues um milhão de cestas de alimentos para atender quatro milhões de pessoas em 645 municípios. O investimento, de mais de R$ 100 milhões, vem do setor privado, contribuição de 48 dirigentes, de empresas brasileiras e internacionais, solidários com os que mais precisam neste momento, segundo o governador.

O projeto Alimento Solidário foi articulado pela Secretaria de Desenvolvimento Social, com apoio do Fundo Social de São Paulo, Secretaria de Desenvolvimento Econômico e InvestSP.

Elaborada em parceria com a equipe de nutricionistas do Hospital Israelita Albert Einstein, liderada pela nutricionista Luci Uzelin, a cesta contém sete fontes de proteínas diferentes (feijão, lentilha, leite em pó, sardinha, charque, linguiça e ervilha), além de outros produtos (como arroz, farinha, macarrão e biscoitos, entre outros) suficientes para a alimentação de uma família de quatro pessoas por um mês, segundo o Governo do Estado.

You may also like

Comments

Comments are closed.

More in Cotidiano