Cotidiano

Americana registra mais cinco mortes por Covid-19

0
Foto: Will Moreira/PA
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Tivoli dois amores 2021

A Prefeitura de Americana, por meio da Vigilância Epidemiológica, informou nesta terça-feira (9) que foram registrados mais cinco óbitos por Covid-19, sendo um homem (50), morador do bairro Jaguari, sem informações de doenças preexistentes, que estava internado no Hospital Municipal e faleceu no dia 5 de março; um homem (64), morador do bairro Vila Belvedere, sem informações de doenças preexistentes, que estava internado no Hospital Municipal e faleceu no dia 5 de março; um homem (73), morador do bairro Vila Bela, portador de doença cardiovascular crônica, que estava internado no Hospital Municipal e faleceu no dia 8 de março; uma mulher (72), moradora do bairro Parque da Liberdade, sem informações de doenças preexistentes, que estava internada no Hospital Municipal e faleceu no dia 8 de março; e uma mulher (62), moradora do bairro Boa Vista, portadora de doença cardiovascular crônica, que estava internada em hospital particular e faleceu no dia 8 de março.

Novos positivos
O município também teve confirmados 145 novos casos positivos, sendo 25 após realização de testes rápidos, dos quais 23 estão em isolamento domiciliar e 2 já se recuperaram; e 120 após realização de exame PCR, dos quais 102 estão em isolamento domiciliar, 10 já se recuperaram, 3 encontram-se internados, além dos cinco óbitos registrados.

Novos suspeitos
O boletim ainda trouxe 21 novos casos suspeitos, todos de pacientes que se encontram internados.

Quadro geral
O quadro geral da Covid-19 em Americana é o seguinte: 11.919 casos positivos, sendo 19 internados, 299 óbitos, 475 em isolamento domiciliar, 11.126 recuperados e 87 casos suspeitos aguardando resultados de exames, todos de pacientes internados. Além disso, o município contabiliza agora 19.745 casos que eram considerados suspeitos, mas que já foram descartados pelo resultado de exame negativo. A diferença em relação ao total de negativos se deve a varredura no sistema E-SUS, que descarta casos em duplicidade.


Cidade do interior paulista obriga moradores infectados a usarem pulseira de isolamento

Notícia Anterior

Thiago Martins apresenta lei que impede a nomeação de agressores de mulheres em cargos públicos

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano