Brasil e Mundo

Bolsonaro volta a permitir queimadas fora da Amazônia

0
Foto: Mayke Toscano/Secom-MT
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Semana do consumidor

Jair Bolsonaro(PSL) alterou o decreto que em que suspendia queimadas por 60 dias e agora a prática volta a ser permitida na região fora da Amazônia Legal. A queimada por agricultores continua proibida no Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins e em parte do Maranhão e de Mato Grosso.

O decreto publicado pelo presidente no dia 28 proibia a queimada em todo o território nacional. A medida não se aplica em casos de controle fitossanitário, desde que seja autorizado pelo órgão ambiental competente; nas práticas de prevenção e combate a incêndios; e nas práticas de agricultura de subsistência das populações tradicionais e indígenas.

Atualmente a técnica é utilizada por agricultores para a limpeza de áreas para a plantação de novas culturas ou criação de gados.

De acordo com a nova medida, as queimadas para fins agrícolas serão permitidas “quando imprescindíveis à realização da operação de colheita” e desde que sejam previamente autorizadas pelo órgão ambiental estadual. A autoridade, entretanto, pode negar a autorização em casos, por exemplo, de ser constatado risco de vida, danos ambientais ou quando a qualidade do ar atingir índices prejudiciais à saúde humana.


ACIA apoia apreensão de ambulantes pela GAMA

Notícia Anterior

Villa Scamboo encerra as atividades na Av. Paulista

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.