Brasil e Mundo

Diretor da Abin é cotado para o cargo de diretor-geral da Polícia Federal

0
Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
FAM 2023

O diretor da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), delegado Alexandre Ramagem, é cotado para assumir o cargo de diretor-geral da Polícia Federal. Ramagem poderá substituir Maurício Valeixo, exonerado pelo presidente Jair Bolsonaro na última sexta-feira (24).

Delegado da Polícia Federal, Alexandre Ramagem comandou as divisões de Administração de Recursos Humanos e de Estudos, Legislações e Pareceres da corporação. Em 2018, foi chefe de segurança do presidente Jair Bolsonaro durante a campanha eleitoral, após o então candidato à Presidência sofrer uma facada em Juiz de Fora (MG).


Participe do grupo de empregos do Portal de Americana no WhatsApp. Clique no link: https://chat.whatsapp.com/JbK7hgnUkWZ7g3vsCcGNj6

Neste sábado, o deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ), afirmou que vai apresentar uma ação judicial para impedir que Alexandre Ramagem assuma o posto de diretor-geral da Polícia Federal. Nas redes sociais, Freixo disse que Bolsonaro quer transformar a PF em uma polícia política.

Ao anunciar o pedido de demissão, após a confirmação da exoneração do então diretor-geral da PF Maurício Valeixo, o ex-ministro Sergio Moro afirmou que o presidente Jair Bolsonaro estava tentando interferir politicamente na Polícia Federal. 

Em resposta, Bolsonaro ressaltou que tem prerrogativa de indicar o nome do diretor-geral e que não pediu para acessar investigações nem proteção de pessoas.




Mais de 29 mil pessoas já estão curadas do coronavírus no Brasil

Notícia Anterior

Quem não foi aprovado para o Auxílio Emergencial pode tentar novo cadastro

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.