Cotidiano

Idosa de 107 anos é vacinada em Santa Bárbara

0
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Tivoli dois amores 2021

Uma idosa de 107 anos recebeu a primeira dose do imunizante contra o coronavírus em Santa Bárbara d’Oeste. A moradora do bairro Jardim Mollon reside há mais de 50 anos na cidade.

Levada pelo filho, Gerosina Ferreira Mendes, foi até a UBS do Mollon onde recebeu a vacina. O momento foi marcado por forte emoção entre os funcionários da Saúde da cidade.

VACINAÇÃO
O início da vacinação contra a Covid-19 para idosos entre 85 e 89 anos será antecipado para esta quinta-feira (11) em Santa Bárbara d’Oeste. Inicialmente prevista para começar no dia 15 em todo o Estado, a imunização desta nova faixa etária terá início amanhã para os idosos convocados após realização de cadastro. A antecipação será possível devido ao recebimento de um novo lote de doses da Coronavac na terça-feira (10).

Para a vacinação é necessário realizar um cadastro no link www.santabarbara.sp.gov.br/vacina-covid-19 ou ainda pelos telefones 0800.441.3502 e 160, de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas. Após o recebimento dos dados, a Secretaria entra em contato para informar data, horário e local da aplicação da vacina.

Idosos a partir de 60 anos também já podem se cadastrar. Entretanto, idosos abaixo de 85 anos e demais públicos serão inseridos na Campanha de Vacinação contra a Covid-19 em Santa Bárbara d’Oeste mediante diretrizes, comunicação e envio das doses pelo Ministério da Saúde e Secretaria de Estado da Saúde.

A vacinação dos demais públicos já incluídos na Campanha também segue. Nos próximos dias profissionais de Saúde da linha de frente, primeiro público a ser vacinado na Campanha, também receberão a segunda dose da vacina.

Profissionais de Saúde

Para os profissionais de Saúde é solicitado documento que comprove a vinculação ativa do trabalhador ou apresentação de declaração emitida pelo serviço de saúde.

Poderão receber a vacina, mediante disponibilidade das doses, trabalhadores de serviços de saúde que atuam em espaços e estabelecimentos de assistência e vigilância à saúde, sejam eles hospitais, clínicas, ambulatórios, laboratórios e outros locais. Compreendem-se médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, biólogos, biomédicos, farmacêuticos, odontólogos, fonoaudiólogos, psicólogos, assistentes sociais, profissionais da educação física, médicos veterinários e seus respectivos técnicos e auxiliares, além de trabalhadores de apoio como recepcionistas, seguranças, trabalhadores da limpeza, cozinheiros e auxiliares, motoristas de ambulâncias, entre outros. Incluem-se ainda aqueles profissionais que atuam em cuidados domiciliares, como cuidadores de idosos, doulas/parteiras, bem como funcionários do sistema funerário que tenham contato com cadáveres potencialmente contaminados. A vacina também será ofertada para acadêmicos em saúde e estudantes da área técnica em saúde em estágio hospitalar, atenção básica, clínicas e laboratórios.

Até o momento, Santa Bárbara d’Oeste já recebeu 6.953 doses da vacina, sendo 5.753 da Coronavac e 1.200 de Oxford.


Suzano abre vagas de estágio na região

Notícia Anterior

Americana registra mais dois óbitos por Covid-19

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano