Brasil

Minha Casa, Minha Vida: Lula deve assinar retomada de mais de 5 mil obras

0
Foto: Ubirajara Machado/MDS
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
FAM 2023

No dia em que relançará o Minha Casa, Minha Vida, na próxima terça-feira, 14, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deverá assinar uma ordem de serviço para retomar mais de 5 mil obras do programa, de acordo com a Casa Civil. O ministro da pasta, Rui Costa, participou na manhã deste sábado, 11, de vistoria nos imóveis do MCMV que serão entregues por Lula durante a agenda, que acontecerá em Santo Amaro da Purificação, na Bahia.

“Aqui em Santo Amaro da Purificação seguimos essa estratégia para concluir as obras rapidamente e poder entregar logo as casas à população. Vamos fazer o mesmo em cidades de todo o país Assim, evitamos a burocracia de ter que contratar outra empresa para fazer os reparos necessários”, disse Rui Costa neste sábado Segundo a Casa Civil, a reforma “rápida” dos imóveis que estavam abandonados foi fruto de uma parceria firmada entre o Governo Federal e o Estado baiano – algo que o Executivo quer reproduzir em outras localidades.


Receba as notícias do Portal no seu WhatsApp Clique aqui e entre no grupo


Obras de pavimentação asfáltica, pintura externa, revisão de telhados, bem como serviços de poda de plantas e limpeza da área externa estão entre as intervenções realizadas nos residenciais Vida Nova Santo Amaro e Vida Nova Sacramento, que contam com 684 unidades habitacionais.

Rui Costa disse ainda que o governo está discutindo uma solução jurídica para que Estados e municípios executem serviços de reparo em obras que já estão bastante avançadas, com o fim de acelerar as entregas. Segundo o ministro, são 170 mil moradias em todo o Brasil que já estão com mais de 90% de conclusão.

“Estamos discutindo uma solução jurídica para que estados e municípios, que são mais rápidos na execução desses serviços de reparos, executem esses serviços. Queremos, até o final do ano, entregar essas 170 mil unidades a que me referi. Retornamos com a faixa 1 e esse será o carro-chefe do programa”, afirmou o ministro.

“Quando estive aqui em janeiro, vi esse condomínio que estava concluído há seis anos, iniciado ainda no governo Dilma, e que foi deixado de lado. Retiraram até a segurança do local e aí furtaram quadro de luz, vaso sanitário, entre outras coisas. A determinação do presidente Lula é agilizar os consertos e entregar todos os imóveis”, disse ainda Costa.

Na terça-feira, 14, além de Santo Amaro da Purificação, serão entregues imóveis em outras cidades de forma simultânea. A ideia é que ministros do governo Lula estejam nos outros locais e por meio de um link ao vivo ocorra a comunicação com o presidente, informou a Casa Civil.

Como mostrou o Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, apesar do relançamento do programa estar marcado para terça, o governo levará mais tempo para de fato engrenar o MCMV em seu novo modelo. A expectativa é a de que a definição de todo arcabouço do novo programa demore meses. Com isso, é possível que as primeiras contratações ocorram apenas no início do segundo semestre.

O período dá margem para o Executivo trabalhar mais intensamente na retomada de obras paradas. Estimativas que circulam no mercado dão conta da possibilidade de quase 40 mil unidades voltadas à população de mais baixa renda serem retomadas neste ano.


Siga o @portaldeamericana no Instagram (clique aqui)

Governo Lula deve aumentar o salário Mínimo em 1º de maio, diz ministro

Notícia Anterior

Nenhum apostador acerta Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 10 milhões

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Brasil