Brasil e Mundo

Rio vai usar câmeras para monitorar distanciamento entre as pessoas

0
Foto: Divulgação
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
FAM 2023

As aglomerações na cidade do Rio passarão a ser monitoradas à distância, com o uso de um programa inteligente. O sistema da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Rio) começa a operar na quarta-feira (13), para verificar o distanciamento entre as pessoas.

Ao todo, são 489 câmeras, que alimentarão um programa detector de aglomerações, identificando grupos de pessoas muito próximas. A informação foi divulgada pela prefeitura nesta terça-feira (12).


Participe do grupo de empregos do Portal de Americana no WhatsApp. Clique no link: https://chat.whatsapp.com/JbK7hgnUkWZ7g3vsCcGNj6

“De acordo com a distância entre as pessoas, o software dispara luzes na tela do sistema, indicando o risco que aquele distanciamento representa. A luz verde, indica baixo risco, e acende onde há uma distância mínima de 1,5 metro (m) entre as pessoas; luz laranja, risco médio, para uma distância entre 1,5m e 0,75m e a luz vermelha, que representa alto risco, alerta quando há pessoas com uma distância abaixo de 0,75m entre si”, explicou a CET-Rio.

De acordo com a companhia, quando registrar essa luz vermelha, o Disk-Aglomeração da Secretaria de Ordem Pública (Seop) será acionado e fiscais serão enviados ao local para dispersar o grupo.




Denso demite 150 funcionários em Santa Bárbara e culpa pandemia

Notícia Anterior

Omar vai publicar decreto sobre atividades essenciais amanhã e deve seguir Bolsonaro

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.