Cotidiano

Chico não vai assinar contrato de aumento da passagem de ônibus para R$ 5,40, diz prefeitura

0
Foto: Will Moreira/PA
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Tivoli dois amores 2021

O prefeito de Americana, Chico Sardelli(PV), não deve assinar o contrato com a Sancetur que permite o aumento da passagem de ônibus na cidade. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da prefeitura.

A empresa, que já opera os ônibus na cidade, em caráter emergencial, foi a unida a apresentar proposta para uma nova licitação da prefeitura. Atualmente a tarifa é de R$ 4,70, com o novo contrato seria de R$ 5,40. O valor máximo permitido no edital aberto no governo do ex-prefeito, Omar Najar(MDB) era de R$ 5,65.

“Com apenas uma concorrente no processo, o prefeito se recusa a assinar o contrato pelo preço estipulado e tratará sobre a questão com a empresa. É preciso que, diante de todo o quadro econômico que o país atravessa, haja sensibilidade e se busque um entendimento entre empresa e poder público”, informou em nota a administração Chico Sardelli.

O prefeito deve se reunir com a empresa para tratar do valor. O contrato emergencial com a empresa vence em março, prazo para que seja assinado o novo contrato. “Essa é uma questão que se arrasta há anos em Americana, seja na série de contratos emergenciais ou na atual licitação, iniciada no ano passado e que enfrentou uma série de problemas na Justiça e no Tribunal de Contas”, trouxe a nota.


Americana inicia vacinação de idosos acima de 90 anos na segunda-feira

Notícia Anterior

Trânsito na região do portal deve sofrer alterações

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano