Cotidiano

Prefeitura contrata nova empresa para realizar nebulização contra dengue

0
Foto: Divulgação
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Semana do consumidor

A prefeitura de Americana, por meio da Secretaria de Saúde passou a contar, a partir desta terça-feira (12), com os trabalhos da empresa Sime Prag do Brasil, no auxílio ao combate à dengue. A empresa vai atuar com 23 funcionários, entre visitadores, nebulizadores e supervisores de campo, que iniciaram os trabalhos hoje com uma capacitação na sede da secretaria.

A empresa foi contratada para atuar de forma complementar às ações já desenvolvidas pelo PMCD (Programa Municipal de Controle da Dengue). Na quinta-feira (14), ela já inicia os trabalhos, realizando visitas de casa em casa nos bairros Vila Bela e Antônio Zanaga, regiões de grande incidência na transmissão.

Também na quinta-feira uma equipe da empresa iniciará ações de nebulização de inseticida no bairro Antônio Zanaga. Os trabalhos de casa em casa e a nebulização deverão prosseguir no sábado e serão retomados na segunda-feira (18).

Além da empresa, a equipe do PMCD continua atuando conforme as diretrizes do Programa Nacional de Controle da Dengue, do Ministério da Saúde, com busca ativa de novos casos e controle de criadouros, visitas em pontos estratégicos (borracharias, comércios de sucatas, floriculturas, entre outros), imóveis especiais (indústrias, colégios, igrejas, hospitais, entre outros) e ações educativas diversas.

Os trabalhos de combate à dengue em Americana vêm sendo realizados ininterruptamente desde 1991, quando foi estruturada a primeira equipe de controle. Os anos com maior incidência de dengue na cidade foram 2014, com 9.433 casos, 2015, com 7.899 confirmações e 2019, quando o município teve 6.179 casos positivos notificados.

Nos últimos anos, Americana registrou 11 óbitos causados pela dengue, sendo dois em 2022, um em 2021, quatro em 2019, três em 2015 e um em 2014. Além dos dois óbitos já anunciados neste ano, existem outros cinco que seguem sob investigação, suspeitos de terem sido causados pela doença.


Motociclista morre após enroscar o pescoço em fiação da Av. Nossa Senhora de Fátima

Notícia Anterior

Por irregularidades, PSL terá que devolver R$ 970 mil aos cofres públicos

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano