Cotidiano

Professor acusado de homofobia é afastado da ETEC Polivalente

0
Foto: Will Moreira
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Semana do consumidor

O Centro Paula Souza confirmou o afastamento do professor Roberto Torezan, acusado de homofobia após o vazamento do áudio de uma aula na ETEC Polivalente, de Americana, na semana passada.

Conforme o Portal de Americana mostrou na quinta-feira passada, o professor fez um discurso contra o casamento gay e associou a ‘barriga de aluguel’ à prostituição durante uma aula de matemática. Na sexta-feira, alunos da escola protestaram contra o professor e pediram seu afastamento.

O Portal não conseguiu localizar o professor para comentar o caso. O espaço segue aberto para posicionamento.

O CPS não informou qual o prazo do afastamento, mas confirmou que ele foi iniciado nesta terça. “O Centro Paula Souza comunica que o professor da Etec de Americana será afastado a partir desta terça-feira, 15 de fevereiro”, disse em nota.

Ainda segundo o Centro, o  procedimento de apuração preliminar está em fase final de relatório com previsão de envio, nesta semana, à Procuradoria Geral do Estado (PGE-SP), onde será analisado pela Procuradoria de Procedimento Disciplinar.


TSE formaliza acordo com 8 redes sociais para combater desinformação

Notícia Anterior

Mais de 800 vagas de emprego estão disponíveis em Santa Bárbara

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano