Brasil e Mundo

URGENTE: Defendido por Bolsonaro voto impresso é rejeitado pela Câmara

0
Foto: Marcos Corrêa/PR
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Tivoli Teatro

O plenário da Câmara dos Deputados rejeitou, na noite desta terça-feira(10), a Proposta de Emenda a Constituição do voto impresso. A impressão do voto é uma das bandeiras defendidas pelo presidente Jair Messias Bolsonaro(sem partido).

A proposta, de autoria da deputada Bia Kicis (PSL), previa a impressão de votos nas eleições, referendos e plebiscitos.

Na semana passada, o texto foi rejeitado pela comissão especial por 22 votos a 11, mas o presidente da Câmara, Artur Lira, decidiu levar o assunto ao plenário.

Ainda na última semana, o presidente Bolsonaro subiu o tom sobre o assunto e chegou a dizer que não haveria eleição sem a impressão e auditoria dos votos.

Para ser aprovada, o texto da PEC precisaria de 308 votos, mas só alcançou 229.


Tivoli Shopping anuncia construção de espaço Boulevard na Portaria B

Notícia Anterior

SP ultrapassa 85% de adultos vacinados com pelo menos uma dose contra a Covid-19

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.