Cotidiano

Americana registra aumento de 41,51% na abertura de MEIs em 2021

0
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Semana do consumidor

Americana registrou em 2021 um aumento de 41,51% na abertura de MEIs (Microempreendedor Individual), em comparação com o ano anterior, índice bem acima da média nacional, que ficou em 19,8%. Em número absolutos, a cidade registrou a abertura de 1.308 microempresas em 2020 e 1.851 em 2021.

Os números são resultado do trabalho desenvolvido pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, em conjunto com o Sebrae, no fomento de novos negócios. “Americana é uma cidade empreendedora. O Sebrae atesta que o número de empreendedores no nosso município é maior que a média do País. Isso se deve à história da cidade, que abrigou inúmeros empresários cujas iniciativas foram passadas de geração em geração”, disse o secretário de Desenvolvimento Econômico, Rafael de Barros.

Rafael lembra que o Comitê de Retomada Econômica, instituído pelo prefeito Chico Sardelli em 2021, também tinha em seu escopo o fomento de microempresas, com a divulgação de informações sobre os benefícios das MEIs e a preocupação com a formalização de negócios.

“São vários os benefícios de se ter uma MEI, como possibilidade de vender para o setor público, emitir nota fiscal, facilidade e redução no pagamento de tributos, diminuição da informalidade, credibilidade para efetuar negócios, entre outros”, esclareceu Rafael de Barros.

Ao realizar um cadastro no MEI, o empreendedor passa a ter um CNPJ, o que facilita a abertura de conta bancária e pedidos de empréstimos, além de ter os direitos e deveres de uma pessoa jurídica.


Motociclista morre em acidente com caminhão

Notícia Anterior

Clientes relatam mal-estar e diarreia após consumir alimentos em festival do Tivoli Shopping

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano