Cotidiano

EXCLUSIVO: Prefeitura abre sindicância para investigar Dr. Daniel e Dra. Adriana

0
Foto: Reprodução
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Tivoli Natal

A Prefeitura de Americana abriu, nesta quarta-feira(10), a pedido da Secretaria de Saúde, uma sindicância para investigar o casal de médicos Dra. Adriana Carina Polito e Dr. Daniel Cardoso, que também é vereador, por terem apresentado atestados médicos ao Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi e participado de uma festa no mês de outubro.

Conforme o Portal de Americana mostrou, Daniel apresentou no dia 29 de outubro, sexta-feira, um atestado para 5 dias. Já a mulher dele, apresentou dois atestados, um para o dia 28 e outro para os dias 1º e 2 de novembro, feriado de Finados.

Os dois negam qualquer irregularidade , mas confirmam a veracidade dos atestados e das fotos na festa de aniversário da deputada Magda Muffato no dia 30 de outubro, na cidade de Caldas Novas, em Goiás.

De acordo com a apuração feita com exclusividade pelo Portal, o ato de instauração deve ser publicado no Diário Oficial do Município nesta quinta-feira(11).

“As questões levantadas serão alvo de apuração por meio de sindicância que, será aberta para apurar as denúncias feitas a respeito ambos os servidores. O procedimento será aberto em respeito à administração municipal e, como em todos os casos similares, correrá em sigilo”, informou a prefeitura em nota enviada ao Portal de Americana.

Como conclusão, a sindicância pode ter como resultado a exoneração dos dois do quadro de servidores municipais.

O que dizem os médicos
Daniel e Adriana negaram irregularidades e disseram que são vítimas de perseguição. “A participação em evento social aconteceu em data distinta aos atestados apresentados, e em dia que ambos não estavam em escala de trabalho”, trouxe uma carta conjunta divulgada no final da noite desta segunda-feira (leia na íntegra aqui)


Vereador quer que idosos e deficientes usem pulseira de identificação

Notícia Anterior

OMS alerta sobre nova fase de covid-19 na Europa

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano