Geral

Vacinação contra a gripe prossegue até 30 de junho

0
Foto: Divulgação
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
FAM 2023

A campanha de vacinação contra a gripe em Americana prossegue até o dia 30 de junho, e as doses estão disponíveis em todas as unidades básicas de saúde a qualquer pessoa a partir dos seis meses de vida, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h.

A Secretaria de Saúde vacinou, até o momento, 44.221 pessoas, o que corresponde a 50,66% de cobertura da população em geral. A campanha contra a gripe teve início no dia 10 de abril.


Participe do grupo de empregos do Portal de Americana no WhatsApp. Clique no link: https://bit.ly/3TIWfzS

A coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Carla Brito, chama a atenção sobre a importância da vacina na prevenção, por ela reduzir significativamente os números de internações por casos graves e óbitos pela doença.

“A vacina é muito segura e eficaz contra o vírus da gripe que está em circulação no momento. Então, é muito importante que as pessoas se conscientizem e busquem se vacinar, porque a vacinação é um meio muito eficiente para se evitar internações e mortes pela doença”, esclareceu.

Da população vacinada até o momento, 20.979 são idosos, 1.909 trabalhadores que atuam na área da saúde humana, 3.179 crianças, 2.641 pessoas portadoras de comorbidade, 599 professores, 549 gestantes, 898 pessoas privadas de liberdade, 65 funcionários do sistema prisional, 88 caminhoneiros, 87 puérperas, 34 trabalhadores do transporte coletivo, 42 integrantes das forças de segurança e salvamento, 103 pessoas portadoras de deficiência permanente, 40 integrantes das forças armadas, 12 indivíduos da população indígena não aldeada, 8 adolescentes sob medida socioeducativa, 1 trabalhador do sistema portuário e 12.987 pessoas dos diversos públicos, que se vacinaram nas unidades básicas de saúde e clínicas particulares.




Relatora da CPMI do Golpe quer notícia-crime contra ex-PRF

Notícia Anterior

Explosão em fábrica deixa 5 feridos

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Geral