Cotidiano

Americana aplica 3.098 doses da vacina contra a Covid-19 nesta quinta-feira

0
Foto: Divulgação
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Tivoli Teatro

Americana aplicou, nesta quinta-feira (24), 3.098 doses da vacina contra a Covid-19. Foram vacinadas 3.082 pessoas com a primeira dose e 16 com a segunda.

Receberam a primeira dose 2.371 pessoas com idade entre 43 e 49 anos, 175 portadores de comorbidades, 396 pessoas com 50 anos ou mais, seis profissionais da educação, 68 da saúde, 32 gestantes e puérperas, oito pessoas com deficiência permanente, e 26 pessoas com idade entre 40 e 42 anos que se utilizaram da “xepa da vacina”, ou seja, sobra de doses.

A segunda dose foi aplicada em duas gestantes e puérperas, seis idosos, três profissionais de saúde, um idoso de ILPI, dois portadores de comorbidades e dois profissionais da Educação.

O total de doses aplicadas é de 126.855, sendo 93.599 da primeira dose e 33.256 da segunda.

Nesta sexta-feira (25) o esquema de vacinação será o mesmo, com exceção dos profissionais de saúde, que tiveram a agenda suspensa devido ao cumprimento da meta estabelecida para esse grupo.

Sendo assim, poderão receber a primeira dose pessoas com 43 anos ou mais, profissionais da Educação com 18 anos ou mais; gestantes e puérperas com 18 anos ou mais; portadores de comorbidades com 18 anos ou mais; pessoas com deficiência permanente com 18 anos ou mais; pessoas com Síndrome de Down com 18 anos ou mais e transplantados em uso de imunossupressor com 18 anos ou mais.

Já a segunda dose será ofertada aos profissionais da Educação com 45 anos ou mais, idosos com 64 anos, idosos com 68 anos ou mais, gestantes e puérperas e idosos com 75 anos ou mais.

O agendamento para a vacinação deve ser feito pelo site www.americana.sp.gov.br/saude/agendamentovacina.


Em nova promoção, cliente ganha trufa grátis comprando quatro unidades

Notícia Anterior

Câmara aprova multa de até R$ 290 mil para estabelecimentos que descumprirem o Plano SP

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano