Cotidiano

Gruta Dainese precisa de R$10,8 milhões, diz secretário

0
Foto: Divulgação
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Tivoli Eletro

Nesta quinta-feira (28), o secretário de Meio Ambiente, Odair Dias, e o ex-deputado estadual, Chico Sardelli, estiveram em Brasília com o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, para discutir alternativas de investimentos para a Gruta Dainese e Represa de Salto Grande.
 
De acordo levantamentos técnicos, para a recuperação da gruta serão necessários R$10,8 mi e os serviços incluem tratamento de esgoto para acabar com o despejo irregular, construção de academia ao ar livre, parque, recuperação da pista, entre outros.
 
Odair informou que foi orientado pelo ministro, que já foi secretário de Meio Ambiente do Estado de São Paulo, que seja transformada a área da gruta em APA Estadual (Área de Preservação Ambiental) e não em unidade de conservação federal, conforme estava sendo preparada. “Na sequência, que seja apresentado o novo projeto da Gruta Dainese, com detalhamento e levantamento de custos, para análise e deliberação. O ministro colocou-se à disposição para cooperar nas intervenções junto ao Estado de forma que município, Estado e União unam recursos para a execução do projeto”, afirmou.
 
“A reunião foi muito importante. O ministro nos abriu a porta de seu gabinete e deu um caráter técnico para as melhorias. Sabemos que é um projeto que demanda tempo, mas tenho certeza que a conclusão será de grande valia para Americana”, disse Chico Sardelli.
 
Em relação à Represa de Salto Grande, o secretário apresentou detalhadamente as necessidades e dificuldades encontradas para a despoluição e Salles indicou a apresentação do projeto à CCA (Câmara de Compensação Ambiental), pois a mesma detém recursos e carece de planos de recuperação ambiental estruturados. “Falamos também sobre a possibilidade em “converter o pagamento de multas ambientais” em investimentos na represa. Para que seja dada sequência nos procedimentos indicados, estaremos nos reunindo nos próximos dias com o DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica), Secretaria Federal de Recursos Hídricos e SABESP”, disse Odair.

Em meio a falta de movimento na região central, ACIA realiza passeio de trenzinho

Notícia Anterior

Juíza proíbe Bolsonaro de comemorar golpe de 64

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano