Cotidiano

Oito anos após menina morrer em acidente, Hopi Hari anuncia retorno da torre

0
Foto: Divulgação
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
ZuHause

O Parque Temático Hopi Hari confirmou, esta semana, o retorno da torre de queda livre, após oito anos após um acidente que matou uma menina de 14 anos. A atração que se chamava ‘La Tour Eiffel’ tem 69,5 metros de altura e atinge uma velocidade de 94 km/h.

“Esta decisão se baseou em diferentes critérios, desde um minucioso estudo realizado com visitantes do Parque até viabilidades técnica e econômica, o que impulsionou sua liderança a consultar e conquistar aprovação junto a todos os órgãos legais competentes”, disse o parque em nota.

------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Quiero Café Happy
Quiero Café manhã

De origem suíça, o equipamento desenvolvido pela Intamin – maior fabricante de atrações para parques temáticos e de diversões do mundo, será totalmente remodelado. “Podemos dizer até que se trata de uma nova atração, por isso, a batizaremos com um novo nome: Le Voyage”, destaca o presidente do Hopi Hari, Alexandre Rodrigues.

A finalização do projeto e reforma da atração, bem como sua reestreia devem ocorrer até final do segundo semestre de 2021.

MORTE
Gabriela Nischimura, de 14 anos, morreu após se soltar da cadeira e cair no chão. O acidente aconteceu em fevereiro de 2012. Três funcionários do parque foram condenados pelo acidente, mas a pena foi revertida em prestação de serviços e pagamento de um salário mínimo.


Presidente da Câmara, Luiz da Rodaben, cumpre isolamento por suspeita de coronavírus

Notícia Anterior

Homem é baleado na Avenida Brasil

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano