Cotidiano

A Máfia da Batina: ex-vereador do PT injetou dinheiro da corrupção na Basílica de Americana, diz Istoé

0
Foto: Reprodução
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Semana do consumidor

A revista IstoÉ que chega às bancas nesta sexta-feira(23), aborda os escândalos sexuais e financeiros da igreja católica, em todo o Brasil, passando por Americana e Limeira com o caso de Dom Vilson Dias de Oliveira e do padre Pedro Leandro Ricardo.

De acordo com a publicação, Alexandre Romano, o Chambinho, ex-vereador de Americana (PT) e preso na Lava Jato, teria lavado dinheiro da corrupção da Petrobras na Basílica de Santo Antônio de Pádua, em Americana.

Chambinho participou da elevação do então santuário ao título de basílica- maior posto que uma igrejas pode alcançar – inclusive fazendo a leitura de textos sagrados durante a missa.

A revista ainda aborda outros casos envolvendo religiosos da igreja católica.


“Os pulmões do mundo são os oceanos, não a Amazônia”, diz Mourão

Notícia Anterior

Vereadores fazem apelo por construção de dois viadutos na Anhanguera

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano