Cotidiano

Americana lança projeto de dança para cadeirantes

0
Foto: Tânia Rêgo/ Agência Brasil
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Tivoli Eletro

Com mais de 100 alunos matriculados no projeto Sintonia da Dança, com aulas nas mais variadas modalidades de dança social e ministradas no Centro de Cultura e Lazer pelo professor Wellington Negrão, a Secretaria de Cultura e Turismo de Americana ampliará o projeto e abrirá vagas para alunos cadeirantes. O desafio foi proposto ao professor Wellington pelo secretário Fernando Giuliani.

As inscrições para a turma de cadeirantes poderão ser realizadas de 1º a 31 de agosto, na sede da Secretaria de Cultura e Turismo, à Rua das Palmeiras, nº 08, Jardim São Paulo, de segunda a sexta, das 9 às 16 horas. O telefone para contato é o (19) 3408 4800. As vagas são limitadas a 20 cadeirantes com acompanhante. No ato da inscrição, os interessados deverão preencher um formulário, no qual farão a opção por frequentar as aulas às quartas ou sextas-feiras, nos horários das 17 às 18h30, 18h30 às 20 horas ou 20 às 21h30. Vale lembrar que haverá apenas uma turma, e as aulas serão ministradas no dia e horário de preferência da maioria dos inscritos.

Wellington Negrão trabalha com dança há 25 anos e já atuou ao lado de grandes profissionais, como Jaime Aroxa, Carlinhos de Jesus, Jimmy de Oliveira, Raquel Mesquita e Suellen Violante. Atualmente desenvolve o projeto Sintonia da Dança no Centro de Cultura e Lazer de Americana.

“Os benefícios da prática da dança são indiscutíveis, comuns a todas as pessoas, independente de portarem deficiência ou não. Depois do sucesso que vem sendo o projeto de dança social daremos início ao projeto de dança para os cadeirantes”, conclui o secretário de Cultura e Turismo, Fernando Giuliani.

Praça do Parque Tio Gaga recebe apresentação de teatro neste sábado

Notícia Anterior

Chuva de meteoros acontece a partir das 21h30 desta sexta-feira

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano