Cotidiano

Americana registra saldo positivo de abertura de empresas entre janeiro e maio deste ano

0
Foto: Will Moreira
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Semana do consumidor

Americana tem demonstrado um grande potencial de geração de emprego e renda. Os números de abertura e fechamento de empresas neste ano ratificam uma tendência que já vinha sendo observada em anos anteriores atestando, dessa forma, a eficiência das políticas de desenvolvimento adotadas pela Administração Pública.

Entre janeiro e maio deste ano, foram abertas 1.589 empresas na cidade, contra 435 encerramentos de atividades, um saldo positivo de 1.154 novos empreendimentos. Quando analisados os números do comportamento das atividades (serviço, comércio e indústria), os dados também são bastante animadores. Foram 4.319 atividades abertas, 1.085 fechadas, com saldo de 3.234.

Americana confirma uma tendência já consolidada em todo o País: a área de serviços é a que mais gera atividades atualmente. No município, foram 3.050 atividades abertas no ramo dos serviços, enquanto comércio registrou o número de 1.149 e indústria, 120.

“A administração Chico Sardelli valoriza o empreendedorismo e está focada na atração e abertura de novas empresas, no auxílio àquelas que já estão instaladas na cidade e na geração de emprego e renda. Desenvolvemos vários programas, entre eles o Comitê de Retomada Econômica, que com uma série de ações facilitou o fluxo de negócios por aqui”, afirmou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Rafael de Barros.

O município conta ainda com o Cuca (Centro Universidade do Conhecimento de Americana), que investe na qualificação de mão de obra. E recentemente, com essa mesma finalidade, foi lançado o Programa Futuro Certo, em parceria com a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos e instituições de ensino. Diversos cursos já foram disponibilizados para a população em geral, e também para as pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade social.

Os dados demonstram o aumento no saldo positivo de abertura de empresas quando comparado com o mesmo período do ano anterior. Em 2022, houve, até maio, um aumento de 3,22% com relação a 2021 (saldo positivo de 1.118); 56,29% com relação a 2020 (saldo positivo de 739); e 77,26% com relação a 2019 (saldo positivo de 651).

Anos anteriores – Durante todo o ano de 2021, foram abertas 3.814 empresas na cidade e fechadas 971, um saldo positivo de 2.843, uma alta de 32,11% em comparação ao ano anterior (2020), quando o saldo, também positivo, ficou em 2.152.

O percentual sobe para 71,78% quando os números de 2021 são comparados aos de 2019, cujo saldo positivo foi de 1.655.


Em super promoção, Amazon vende Alexa por R$ 149

Notícia Anterior

Lula promete manter auxílio de R$ 600 criado por Bolsonaro

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano