Cotidiano

Americana vai simular rompimento da barragem de Salto Grande

0
Foto: heldrone
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Semana do consumidor

As Defesas Civis de Americana e Limeira, juntamente com a CPFL Renováveis, Defesa Civil Regional de Campinas, Defesa Civil do Estado de São Paulo, Corpo de Bombeiros, Secretarias Municipais de Americana e Limeira, Centro de Operações Especiais (COE) e outros órgãos e autoridades da região vão realizar em setembro, em data a ser definida, um simulado de emergência que tem o objetivo de preparar e orientar a população em caso de incidentes na Pequena Central Hidrelétrica (PCH) Americana.

Na última quinta-feira (8), ocorreu mais uma reunião de planejamento, na sede da Agemcamp (Agência Metropolitana de Campinas) com todos os envolvidos com a operação. Paralelamente à ação, ocorrerá também o 2º Exercício de Comunicação de Alerta de Rompimento, envolvendo os municípios de Americana, Campinas, Jaguariúna, Pedreira, Limeira, Piracicaba, Iracemápolis, Santa Bárbara D’Oeste e São Pedro.

A simulação de situação de emergência será importante para preparar os moradores da região e os órgãos responsáveis pelo socorro. “O objetivo do exercício é treinar a população nas áreas atingidas para que ela promova o seu salvamento e os órgãos que prestam socorro para o atendimento imediato nesses casos. Estamos fazendo a análise de cenário, recursos, procedimentos e responsabilidades para que cada um execute a sua função e atribuição neste trabalho”, explicou o 2º tenente PM Tiago Luiz Lourençon, diretor do Núcleo de Análise de Risco da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil.

De acordo com a Defesa Civil de Americana, serão montadas estruturas, como posto de comando, sala de crise para centralizar os trabalhos e atendimento de apoio nos pontos de abrangência onde ocorrerá a evacuação de pessoas. O objetivo é atender todas as áreas possivelmente atingidas em caso de ruptura.

A CPFL Renováveis, em conjunto com a Defesa Civil, já realizou a instalação de 26 placas indicando rotas de fuga e pontos de encontro nos municípios de Americana e Limeira, além da instalação de sirenes para alertar a população. De acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), a barragem de Salto Grande, da PCH Americana, está classificada na categoria de risco B, indicando que possui todas as condições de segurança.


Nuvens de poluição transformam dia em noite na região

Notícia Anterior

Moradora de Americana ganha TV do Tivoli Shopping

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano