Cotidiano

Chico propõe ônibus gratuito aos finais de semana

0
Foto: Will Moreira/PA
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
ZuHause

Transporte público urbano gratuito aos sábados e domingos, para qualquer ponto da cidade e em qualquer horário. Essa é uma das propostas do candidato a prefeito de Americana Chico Sardelli (PV), da coligação “Experiência para Americana avançar”, presente no seu plano de governo na parte dedicada à mobilidade urbana.
De acordo com Chico, a medida deve fazer parte do novo contrato de concessão e tem como objetivo estimular as pessoas a saírem de casa e aproveitarem as praças, os parques e o comércio de todas as regiões de Americana. “É uma medida que só gera benefícios para a cidade. A população é estimulada a sair às compras no nosso comércio sem o problema de pagar passagem, movimentando nossa economia e, consequentemente, gerando emprego e renda”, destacou Chico.

A gratuidade da passagem já é uma realidade em outros municípios, como por exemplo, Santa Bárbara d’Oeste. “Desde 2013, o prefeito Denis Andia, que é do nosso partido, já implantou o transporte grátis aos sábados na nossa vizinha Santa Bárbara. Um projeto que está dando certo há quase oito anos lá e que vamos fazer em Americana também, incluindo ainda o domingo”, afirmou Chico Sardelli.

------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Quiero Café Happy
Quiero Café manhã

O candidato reforçou também que o lazer será favorecido nos pontos turísticos de Americana. “Temos espaços de lazer importantes, como o Parque Ecológico e o Botânico, que poderão ser frequentados aos finais de semana por todos, inclusive por quem reside em bairros mais afastados, com essa possibilidade do ônibus gratuito”, comentou.

Ainda com relação ao assunto, Chico apresenta como proposta no seu plano de governo promover melhorias no transporte coletivo, com estudo de novas linhas e modelos de redução de superlotação.


Bolsonaro: Brasil vai comprar qualquer vacina certificada pela Anvisa

Notícia Anterior

Anvisa interrompe estudos da Coronavac após “evento adverso grave”

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano