Cotidiano

Mulher alcoolizada atropela e mata empresário em Sumaré

0
Foto: Reprodução/Facebook
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Tivoli Eletro

Um empresário de 30 anos morreu atropelado na noite deste sábado(22), na rodovia José Louzana de Araújo, em Sumaré. O motociclista Ericson Rafael Beline, morador de Hortolândia, morreu na hora.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, uma auxiliar de produção de 42 anos, alcoolizada foi responsável pelo atropelamento.

Policiais militares foram acionados, por volta das 18h25, para atender uma ocorrência no km 1,5 da rodovia. Quando chegaram ao local o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), já havia constatado a morte do homem. De acordo com o registro policial, a motorista de um carro modelo Toyota Etios, afirmou que passou a entrada de duas fábricas nas proximidades. Para efetuar uma manobra ela estacionou o veículo numa faixa dupla contínua amarela, ou seja, local proibido para efetuar o retorno, ocasião em que não visualizou a motocicleta Honda modelo CB-300, e colidiu de forma transversal.

O exame de bafômetro constatou o consumo de bebida alcoólica com 0,52 mg de álcool por litro de ar. Ela foi conduzida ao IML (Instituto Médico Legal), às 22h50, porém o perito não constatou embriaguez, visto que o acidente ocorreu às 18h25.

O delegado arbitrou fiança de R$ 10 mil, que não foi paga até o momento. A mulher foi levada à Cadeia Feminina de Monte Mor.

O velório do empresário acontece a partir das 13h deste sábado, no Cemitério Municipal de Paulínia. Ericson era diretor de uma imobiliária em Hortolândia.

Escola de Americana oferece curso de robótica e programação para crianças e adolescentes

Notícia Anterior

Rezende consegue parcerias para conserto de ambulância do 192

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano