Cotidiano

Sindicância vai apurar suposta “rachadinha” no gabinete do Dr. Daniel

0
dr daniel
Foto: Divulgação
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
FAM 2023

Por ordem do presidente Thiago Brochi(sem partido), a Câmara Municipal de Americana abriu uma sindicância interna para apurar um suposto esquema de “rachadinha” no gabinete do vereador Dr. Daniel Cardoso(PDT).

O pedido aconteceu após Brochi receber áudios de um ex-funcionário da casa com denúncias contra um atual comissionado do gabinete do vereador.

canal whats

Na gravação, o funcionário propunha uma divisão do salário recebido no cargo com o ex-funcionário. “Eu sou aposentado. Não dependo de R$2 mil, pra mim não teria problema dividir. Eu posso propor isso pra ele[Dr. Daniel]”, relata o investigado.

“Eu recebi as mensagens através do WhatsApp, já tinha conhecimento das mensagens de áudio através das redes sociais. A voz lembra muito a de um funcionário da Câmara, por isso solicitei uma investigação”, disse o presidente.

“Temos que dar transparência ao caso e deixar a população informada”, garante Borchi.

O termo popularmente conhecido como “rachadinha” refere-se ao ato de desviar parte ou a totalidade do salário de um assessor. Em termos práticos, esse fenômeno envolve a transferência de uma porção ou da totalidade do salário de um servidor para um parlamentar ou secretários, conforme acordado previamente.

Procurado para comentar o caso, Dr. Daniel  não respondeu a solicitação do Portal. O espaço segue aberto e será atualizado caso ele se posicione.

Ao Portal, a Câmara informou que o processo está tramitando internamente e que uma comissão foi formada para apurar o caso.

 



Acendimento das luzes e Casa do Papai Noel marcam clima natalino em Santa Bárbara

Notícia Anterior

Brasil gera mais de 190 mil postos com carteira assinada em outubro

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano