Cotidiano

Taxa de isolamento social em Americana foi 55% no domingo; governo quer 70%

0
Foto: Reprodução
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
FAM 2023

A taxa de isolamento social ontem (26), no estado de São Paulo, chegou a 58%, pior índice registrado para um domingo desde o início do período da quarentena. Em Americana a taxa foi ainda menor, chegando a 55%. A taxa considerada ideal é acima de 70%, mas o governo de São Paulo já considera satisfatória quando ela fica acima dos 50%.

O maior índice foi registrado na cidade de Bebedouro, onde a taxa alcançada foi de 70% ontem, valor considerado ideal para a menor disseminação do vírus e evitar um colapso no sistema de saúde.


Participe do grupo de empregos do Portal de Americana no WhatsApp. Clique no link: https://chat.whatsapp.com/JbK7hgnUkWZ7g3vsCcGNj6

De acordo com o governador de São Paulo, João Doria, o baixo isolamento social pode provocar uma revisão na decisão do governo de iniciar a flexibilização da quarentena no estado, determinada até o dia 10 de maio.

A decisão sobre o início da abertura do comércio e serviços considerados não essenciais vai depender, segundo ele, da “taxa de isolamento adequada assim como uma taxa de disponibilidade de leitos nos hospitais, principalmente de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e do mapa de avanço ou não do coronavírus”. Doria disse que apesar do pedido do comércio para que a liberação comece a ser feita antes do Dia das Mães, a quarentena no estado será mantida até o dia 10 de maio, conforme previsto.

A central de inteligência analisa os dados de telefonia móvel para indicar tendências de deslocamento e apontar a eficácia das medidas de isolamento social. No momento, há acesso a dados referentes a 104 cidades maiores de 70 mil habitantes.




Câmara realiza sessão extraordinária nesta terça-feira

Notícia Anterior

Nova Odessa confirma 8 casos de coronavírus

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano