Cotidiano

Emprega FAM recebe 9 mil pessoas

0
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 

A chuva e a temperatura mais baixa deste sábado, dia 19 de maio, não foram adversários para quem busca uma vaga no mercado de trabalho na terceira edição do Emprega FAM.

No total, o evento recebeu um público de 9 mil pessoas, de diversas cidades da Região Metropolitana de Campinas. A Faculdade de Americana em parceria com mais 19 empresas e o Posto de Atendimento ao Trabalhador da cidade ofereceram aproximadamente mil vagas de emprego.

“Mesmo com a chuva que chegou pela manhã, a população compareceu e pode deixar seu currículo, fazer uma entrevista e assim estar mais próximo de uma vaga no mercado de trabalho. Agradecemos a todos os parceiros e empresas que estiveram conosco nessa tarde de prestação de serviço para a população e, claro, já planejando a edição do ano que vem”, disse o gerente de marketing e comercial FAM, Eryvelton Baldin.

Um dos espaços mais procurados, a rede de Supermercados Crema ofereceu 200 vagas e realizou entrevistas com os candidatos para a nova loja na cidade de Americana. A Santista Jeanswear ofereceu 40 vagas e recebeu 700 currículos durante todo o evento. A rede São Vicente, que conta com a chegada de um Centro de Distribuição, ainda este ano em Nova Odessa, também cadastrou candidatos para as cidades de Nova Odessa, Sumaré, Hortolândia, Americana e Santa Bárbara d´Oeste.

O técnico de mecânica, Pedro Carvalho aproveitou o evento para deixar seu currículo. “Estou há dois anos desempregado. Uma ação como essa é importante porque traz as oportunidades. No dia a dia está cada dia mais difícil”, disse.

Mariana Lopes, 23 anos, aproveitou a feira para trocar de emprego e buscar na área em que estuda. “Uma bela oportunidade, já passei por todas as empresas e deixei meu currículo, quero atuar na área jurídica”, afirmou.


Motos começam a pagar tarifa de pedágio na Anhanguera

Notícia Anterior

Temperatura deve chegar a 6ºC em Americana nesta segunda

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano