Cotidiano

Gama suspende contrato de guarda que agrediu ex-companheira

0
Foto: Reprodução
------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 
Semana do consumidor

A Guarda Municipal de Americana suspendeu o contrato do guarda que agrediu a ex-companheira no dia 3 de março na Avenida Maranhão, na Praia Azul, em Americana.

Paulo Fernandes Carrigio, de 55 anos, perseguiu a ex-companheira, bateu o carro e usou um canivete para golpear o vítima. Um processo judicial impôs medidas restritivas e o afastou do trabalho. Ele já tinha perdido o direito de uso de armamento e era investigado pela corregedoria da GAMA. Relembre o caso aqui.

Em publicação no Diário Oficial do Município, na sexta-feira(1º),  o comandante da guarda, Marco Aurélio da Silva suspendeu o contrato de trabalho do servidor por tempo indeterminado e também determinou a suspensão da remuneração.

 


Vacinação contra a gripe começa hoje em todo o país

Notícia Anterior

Após 49 anos, Movestrela anuncia fim das atividades em Americana

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano