Cotidiano

Leco pede informações sobre instalação de usina de combustível derivado de lixo

0
Foto: Divulgação/CMA
Tivoli Janeiro

O vereador Leco (Podemos) protocolou na secretaria da Câmara Municipal de Americana um requerimento em que pede informações ao Poder Executivo sobre o andamento da instalação de uma usina CDR (Combustível Derivado de Resíduos) no aterro sanitário de Americana.

No documento, Leco lembra que foi aprovada em 2019 uma alteração na lei orgânica do município que possibilitaria a implantação de novas técnicas de tratamento de resíduos, em substituição ao atual modelo em operação.

------ CONTINUA APÓS PUBLICIDADE ------ 

“Na oportunidade, o argumento apresentado para aprovação da alteração da lei orgânica foi justamente a implantação de uma usina de combustível derivado de resíduos, trazendo um novo contexto ao meio ambiente e à sustentabilidade”, explica.

O parlamentar pergunta no requerimento como estão os procedimentos para instalação da usina e qual será o encaminhamento dado pela nova gestão com relação ao assunto. Leco destaca que a obrigatoriedade da instalação da usina não constava no texto aprovado, questiona quais medidas que o Executivo pretende tomar se a unidade não for construída e, nesse caso, se pretende proibir o recebimento de lixo de outras cidades.

O requerimento será discutido e votado pelos vereadores em Plenário, durante a primeira sessão ordinária da legislatura, que acontece na quinta-feira, 21 de janeiro.

Paola Carosella anuncia saída do Master Chef da Band

Notícia Anterior

Enfermaria do Hospital Municipal atinge 100% ocupação

Próxima Notícia

Aproveite e leia também

Comentários

Não é permitido comentar nesta notícia.

Mais em Cotidiano